Em THE cadeirante se cura e sai correndo ao ver duas pessoas em uma moto


Rafael Sousa de 25 anos, que perdeu o movimento das pernas após sofrer um assalto e ser baleado foi incrivelmente curado depois de passar por uma situação de medo. Ele vinha sozinho em sua cadeira de rodas em uma rua deserta no Dirceu quando avistou uma moto com duas pessoas. Com medo, ele se levantou da cadeira de rodas e saiu correndo, pois sabia que iria ser assaltado de novo. 
"Na hora eu nem percebi, tudo que eu queria era sair de lá o mais rápido possível, então me levantei corri, corri tanto que fui parar no Renascença, onde acabei sendo assaltado por outros dois caras de moto. Depois de toda a adrenalina que me dei conta de que eu estava andando novamente, eu ainda não sei como isso aconteceu", diz Rafael. 
Nossa equipe conversou com familiares amigos e até o médico do jovem, todos confirmaram que ele realmente estava  paralitico e que não sabem como isso aconteceu. O médico de Rafael, dr. Francisco Carlos diz que ficou impressionado. "Eu mesmo fiz os exames dele, ele estava com uma fratura na coluna e não voltaria  andar nunca mais. A única explicação para isso com certeza é psicológica. Dizem que o medo nos faz fazer coisas impossíveis", diz o médico.
O caso está sendo estudado por vários psicólogos e ortopedistas. A comunidade médica esta cogitando a ideia de usar este método para curar outras pessoas. 

As notícias deste site são fictícias e o objetivo é fazer humor. 

Postar um comentário

0 Comentários